• Advocacia Manhães de Almeida

Revista Debate Imobiliário (IBRADIM)

Dr Marcelo Manhães de Almeida, com seu vasto conhecimento no assunto, concedeu uma entrevista à Revista Debate Imobiliário - edição n°6 Agosto 2020.

A matéria, que discute como será o mercado imobiliário em um cenário pós-pandemia, abre a reflexão para diferentes frentes, como os novos desejos de consumo, as renegociações de aluguéis e o avanço tecnológico.

Segundo a Associação das Administradoras de Bens Imóveis e Condomínios de São Paulo, 60% dos imóveis comerciais do Estado encerraram maio de 2020 com novos acordos negociados. De acordo com Marcelo Manhães de Almeida “os contratos precisam ser equalizados sob pena de se impor a uma das partes a chamada onerosidade excessiva”.

Segundo o advogado especialista em direito imobiliário, é possível que novos contratos tenham cláusulas estipulando, por exemplo, que a alteração da condição econômico-financeira do locatário não traga repercussão direta nas obrigações quanto ao aluguel e demais encargos.

Na busca pelo equilíbrio, locadores e locatários precisam sentar-se à mesa para negociar. Para o dr Marcelo, a pandemia trouxe um grande aprendizado: quem não tiver sensibilidade para perceber que é preciso negociar, ficará fora do mercado.


19 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Dr Marcelo Manhães de Almeida contribuiu na redação da 8ª edição da revista Opinião Jurídica. Na página 80, o dr escreveu um artigo sobre o processo de planejamento urbano, sob a ótica das restrições